Diário da Manhã

Nosso estonteante Resonare, dez anos

Esse grupo extraordinário denominado Coro Resonare, aqui da nossa terrinha, completou dez anos e no domingo, dia 17, fez, como sempre, as pessoas vivenciarem momentos de intensa emoção na Capela do Colégio Nossa Senhora da Conceição.

O coro (canto coral) está entre as criações mais antigas da humanidade que perdura em nossos dias. Dizem os historiadores que há registro do canto coletivo desde 3.500 a.C e que ele  ganhou impulso na antiga Grécia. Por volta do ano 1.000 ganha força em mosteiros e comunidades religiosas cristãs e explode para o mundo.

E o Coro Resonare é fagulha dessa explosão, faz parte dessa história.

O que as trinta vozes do Resonare produzem, injetam, transmitem, mandam para nossos corpos e mentes as palavras não conseguem expressar, mas, com certeza, é algo que beira a transcendência milenar que acompanha esse tipo de canto. E aí fica difícil, para quem deseja escrever, dizer, definir com palavras essa magia que transmite.

É sempre a mesma coisa: a gente entra na capela, senta, espera um pouquinho e, assim, como quem começa embalar um bebê, vozes maravilhosas de mulheres e homens sorridentes vão dominando nosso ser levando-nos por incríveis viagens sem itinerário prévio. Sim, é possível dizer isso: ouvir o Resonare é fazer uma viagem encantadora.

Alguém me disse que com aquelas vozes de sopranos, contraltos, baixos e tenores que, como descarga potente de adrenalina de repente parece dominar a capela, sentiu-se viajando em mar bravio, indômito, com ondas gigantescas – oh fortuna –, mas sem sentir um pingo de medo. As vozes o dominaram com intensa doçura.

Há momento em que aquelas bocas cantoras têm a sublime capacidade de nos levar às alturas. Sem força de expressão, vamos às alturas, é tudo muito sutil, o som nos arrebata e quando nos soltamos, fechamos os olhos, aleluia, aleluia, ficamos no movendo como pluma em meio a uma nuvem.

Não poucos se sentem caminhando de mãos dadas com alguém que lhe acelera o coração em meio a planuras floridas ou correndo montanha acima para se aproximar do que crê ser o infinito ou ainda curtindo a quentura de um sol que bate numa areia branca a espera de uma sereia. Quando a mente, alma, espirito voa impulsionado pela música os limites desaparecem e nos tornamos completamente livres!

E outra coisa realmente incrível disso tudo é que ali no palco estão pessoas que você conhece da rua. São homens e mulheres de carne e osso, que aqui moram, que aqui trabalham, que aqui vivem e que quando se reúnem no Resonare sob a regência do Ademir se transformam em seres especiais que nos encantam, hipnotizam, emocionam.

Obrigado e parabéns às vozes divinas de Ana Lúcia, Ana Marli, Ariel, Blandina, Delcia, Iara, Juliana, Lizandra, Maysa, Roberta, Claudia, Ellen, Karine, Marga, Marlene, Sonia, Tania, Terezinha, Vera, Euclides, Jorge, Paulo, Cassiano, Gabriel, Graciela, Júlio, Tiago. Também aos músicos Tiago, Gustavo (de Pelotas), Augusto, Ghadyego, Douglas.

Valeu, Resonare, já estamos na fila aguardando o próximo espetáculo!

Comentários

Galerias de Fotos

Anuncie Aqui

Horários de Voos

Vôo Empresa Horários Destino (s) Frequência
VCP - PFB Azul 08:45:00 Passo Fundo segunda a sábado
VCP - PFB Azul 17:40:00 Passo Fundo segundas, terças, quartas, quintas, sextas e domin
VCP - PFB Azul 23:15:00 Passo Fundo segundas, terças, quartas, quintas, sextas e domin
VCP - PFB Azul 20:35:00 Passo Fundo sábados
PFB - VCP Azul 06:00:00 Campinas - SP todos os dias
PFB - VCP Azul 10:55:00 Campinas - SP todos os dias exceto aos domingos
PFB - VCP Azul 19:55:00 Campinas - SP todos os dias exceto aos sábados
FLN - PFB Azul 16:15:00 Passo Fundo Segundas, sextas e domingos
PFB - FLN Azul 18:20:00 Florianópolis Segundas, sextas e domingos

Baixe o Aplicativo do Jornal

Matriz

Curta o Diário

(54)3316-4800Passo Fundo

(54)3329-9666Carazinho

  • Passo Fundo: (54) 9905-7864

    Carazinho: (54) 9959-5027