Diário da Manhã | Notícia, Jornal, Rádio, Passo Fundo, Carazinho

Esportes

Trio desafia o Ironman

Autor: Kleiton Vasconcellos
Trio desafia o Ironman
Foto Divulgação

No domingo, três atletas de Passo Fundo encararão toda a dificuldade e também ingressarão no universo de autoconhecimento oferecidos pela maior prova de triathlon do Brasil

Os números são assombrosos. Um total de 2,5 mil atletas, oriundos de 44 países, vão encarar no próximo domingo (27) o Ironman Brasil, que terá como palco a capital catarinense Florianópolis. Pelo caminho, um trajeto incluindo 3,8km de natação em mar aberto, 180km de ciclismo e 42km de corrida. Tudo sem interrupção. Entre os participantes, três passo-fundenses.

O trio é composto por Ricardo Rosa, Vinícius de Moura e Alexandre Higuchi. Os atletas, todos amadores no que se refere ao triathlon de grande distância, tiveram pela frente uma sequência forte de treinamentos para superar o desafio em Jurerê Internacional. “O Ironman, por ter a direção de até 17h para os amadores, significa um desafio imenso. A preparação é longa, mas o dia da prova é uma evolução não só como atleta, mas também como pessoa. O Iron faz isso com quem quer melhorar o seu tempo e também com aqueles que buscam o autoconhecimento” ensina Rosa, que pela 6a vez participará da prova.

Por ser uma competição disputada ao ar livre, o desempenho dos participantes é uma incógnita. Conforme explica Ricardo Rosa, “o Ironman é imprevisível. Sempre tentamos chegar na melhor forma física e para isso o ciclo de preparação é de 20 semanas. Tem variáveis, como a condição climática, se está chovendo ou sol intenso. Meu melhor tempo é 10h15min, mas como mudei a minha forma de treinar agora, não sei como será”. Os treinamentos agora tiveram uma novidade: o ciclismo indoor, praticado com um equipamento apropriado. Os passo-fundenses treinaram assim, com uma carga que chegou a sessões de 6h direto, no caso de Ricardo Rosa. É o tipo de trabalho adotada nos Estados Unidos e nos países escandinavos.

Mais do que treinar, porém, o importante ao competir no Ironman é que o atleta mantenha o foco. “O importante é se adaptar às condições. A sessão de treino mais longa foi de 7h e na hora da prova vai ser muito mais. A parte mental tem que estar boa, para que a gente fique focado no planejamento da prova. Tem que ter planos A, B ou C, dependendo dos acontecimentos” pontua Rosa.

Estado de espírito

Mesmo que a preparação tenha consumido 20 semanas e uma carga incontável de horas, os atletas amadores também encaram o desafio de conciliar a atividade esportiva com a rotina. O grande desafio, para eles, é exatamente esse. “Eu me dediquei muito ao treinamento, entre as minhas atribuições estão a de triatleta amador. Consegui ter uma dedicação de 20h semanais. O Ironman fala sobre tudo isso, o envolvimento familiar e profissional com os treinamentos. Temos que adaptar a rotina de treinos com os demais temas que norteiam a nossa vida” diz Ricardo Rosa. Em outras palavras, é buscar o equilíbrio entre a vida e a competição. “A gente compartilha a emoção ao final da participação no evento e tem um legado que passa adiante. O Ironman é uma experiência de vida, vai muito além de competir ou de querer chegar antes que os outros. É sobre você ficar consigo nas 10h de disputa, é meio solitário, mas é um momento de evolução pessoal e espiritual.” fala.

União de atletas

Com um exército de atletas originados de 44 países, o Ironman também é uma grande fonte de contatos e experiências até mesmo culturais. Todos os competidores largam junto, independente da categoria. Segundo Ricardo Rosa, “Você está junto com o teu ídolo, é apoiado pelos profissionais. O legal é poder ter essa referência, apenas estar junto. É como se você pudesse bater bola com o Neymar”. A organização promove um evento chamado Pasta Party, onde todos jantam junto. “Nascem aí inúmeras trocas de contatos e informações. Já fiz esses laços que me ajudaram certa vez, ao competir na Malásia” encerra Rosa.

Os passo-fundenses
Nome Ricardo Rosa
Idade: 30 anos
Profissão: Empresário/triatleta amador
Porque pratica triathlon: triathlon para mim não só é um esporte, mas rege meu estilo de vida e minha profissão. Treinar tem sua importância assim trabalhar e estudar.
Porque fazer o Ironman: o ironman é um desafio que a cada ano me faz evoluir como atleta e ser humano. A preparação é desafiadora quanto a prova. E isso me motiva a cada ano treinar mais e ver do que eu sou capaz, tentar ir mais além do que já fui.

Nome: Vinícius de Moura
Idade: 38 anos
Profissão: Professor
Porque pratica triathlon: pratico triathlon como opção de qualidade de vida, saúde e energia que a modalidade proporciona.
Porque fazer o Ironman: desafio pessoal de superar meus limites e mostrar e provar que tudo é possível, quando se tem um objetivo e sonho na vida.

Nome: Alexandre Higuchi
Idade: 43 anos
Profissão: Médico
Porque pratica triathlon: pratico Triatlhon para me divertir, manter uma boa saúde, poder “brincar” de correr, andar de bicicleta e piscina, como toda criança gosta de fazer.
Porque fazer o Ironman: o Ironman é acima de tudo um desafio pessoal, uma jornada em busca de compreender melhor o esporte, o treinamento, conhecer melhor os meus limites, físicos e principalmente psicológicos no triathlon. Acho que é um reconhecimento e uma recompensa do esporte, como um praticante de arte marcial busca a faixa preta, no triathlon seria completar um Ironman, o início de uma nova fase do triathlon para mim.

Comentários

Horários de Voos

Vôo Empresa Horários Destino (s) Frequência
VCP - PFB Azul 08:45:00 Passo Fundo segunda a sábado
VCP - PFB Azul 17:40:00 Passo Fundo segundas, terças, quartas, quintas, sextas e domin
VCP - PFB Azul 23:15:00 Passo Fundo segundas, terças, quartas, quintas, sextas e domin
VCP - PFB Azul 20:35:00 Passo Fundo sábados
PFB - VCP Azul 06:00:00 Campinas - SP todos os dias
PFB - VCP Azul 10:55:00 Campinas - SP todos os dias exceto aos domingos
PFB - VCP Azul 19:55:00 Campinas - SP todos os dias exceto aos sábados
FLN - PFB Azul 16:15:00 Passo Fundo Segundas, sextas e domingos
PFB - FLN Azul 18:20:00 Florianópolis Segundas, sextas e domingos

Matriz

Curta o Diário

(54)3316-4800Passo Fundo

(54)3329-9666Carazinho

  • Passo Fundo: (54) 9905-7864

    Carazinho: (54) 9959-5027